Orquídea

Guia da Phalaenopsis /Rega

Este é o grande segredo das orquídeas, acertar o número de rega que cada uma gosta e precisa receber. Se você aguar demais, as raízes e folhas apodrecem e a planta morre. Se aguar de menos, ela irá ressecar e morrer. Mas é mais fácil você matar uma orquídea pelo excesso de água do que pela falta dela.
A verdade que nada melhor do que o tempo e a experiência para que você descubra a quantidade ideal de rega.
Para iniciar, no verão, regue sua planta a cada 3 ou 4 dias. No inverno, uma vez a cada sete dias. Como é comum a chuva no inverno, para orquídeas que ficam sem proteção da chuva, ou seja, ao tempo, sempre que chover você deverá recomeçar a contagem.
Ex: Você molhou no sábado, pela contagem somente terá que molhá-la novamente no sábado seguinte, mas se chover na quarta-feira, você irá recomeçar a contagem de 7 dias, a partir da quinta-feira. Desta forma, a próxima rega deverá ser na quarta-feira posterior a quarta chuvosa.
rega
Esse intervalo pode ser diferente, pois depende também do clima. Por exemplo, em Brasília é mais seco que em Minas Gerais, então o intervalo de rega não poderá ser o mesmo.
O importante a saber é que você deverá molhar apenas quando o substrato estiver seco, se estiver úmido, verifique dois dias depois.

Mas como verificar se está úmido?

Coloque o dedo no canto do vaso e enfie até a metade dele, você sentirá como está a úmidade no meio do vaso. Às vezes em cima o substrato está seco, mas no meio está úmido.
Ela gosta de umidade e não de ficar muito molhada. Em outras palavras, ela gosta do substrato levemente úmido.
Procure não molhar as folhas e principalmente não deixar água acumulada na base delas, principalmente em dias mais frios, pois isto pode facilitar o desenvolvimento de fungos e bactérias que podem matar a planta em poucos dias ou semanas.
Nos dias mais quentes, você poderá regar a planta pela manhã ou final da tarde, e pulverizar o ambiente no decorrer do dia, deixando o chão mais úmido.
IMPORTANTE: Nunca deixe sua orquídea com pratinho embaixo do vaso. A água acumulada ali irá apoderecer as raízes de sua planta

Guia da Phalaenopsis /Adubação

Deixe o seu comentário